O que é tuberculose?

 

07/03/2021

Tuberculose é uma doença bacteriana infecciosa que se propaga através de gotículas de tosse de uma pessoa infectada. Ela ataca principalmente os pulmões, mas pode afectar outras partes do corpo.

 

Muitas pessoas expostas não sentem logo os sintomas da TB. Há normalmente 3 fases da TB:

 

Infecção Primária é quando a bactéria primeiro entra no corpo, para alguns, não há sintomas, outros sentem febre e uma tosse contínua. Pessoas com sistema imunológico saudável não desenvolvem nenhum sintoma. Mas para outros, a bactéria cresce e transforma-se numa doença activa. Muitas infecções de TB são assintomáticas, seguidas de uma infecção latente de TB.

 

Infecção Latente de TB é quando a bactéria está no seu corpo e é apenas encontrada através de rastreio e testes, mas não é activa (sem sintomas), e não se propaga para outros.

 

TB Activa é quando a bactéria está activa e se muitiplica. A pessoa sente-se doente e é contagiosa. Para evitar complicações e infectar os outros, é preciso uma ajuda médica de imediato. A TB activa tende a entrar no estágio activo em pessoas que contraíram a infecção nos últimos dois anos. Desenvolve-se em pessoas com sistema imunológico fraco resultante de malnutrição, idade avançada, pessoas com HIV e aquelas que estejam a fazer tratamento contra doença crónica.

Quando se torna activa, os sintomas começam a aparecer de vagar. Muitos começam com uma tosse forte que não desaparece, ou dores no peito. Outros sintomas são: sentir-se mal, fleuma com gotículas de sangue, febre, suor nocturno, dor no peito e perda de peso.

 

O rastreio da Tuberculose é feito através de escarro e exame de sangue. Se for positivo para a TB, são necessários mais testes para apurar quais antibióticos seriam mais eficientes. Podem ser necessários Exames de Raio-X, TC e de IRM para procurar mais sinais de TB no corpo e onde podem estar localizados.

 

Mesmo com tratamento, a bactéria da TB leva muito tempo para morrer. O tratamento exige uma aderência cuidadosa à medicação, para eliminar a bactéria e evitar desenvolver resistência à medicamentos. O tratamento ambulatório pode durar seis meses ou mais. Pessoas com TB latente provavelmente precisem de apenas um ou dois medicamentos, enquanto aqueles com TB activa podem precisar de uma combinação de três ou quatro antibióticos.

 

Uma das maiores preocupações durante o tratamento é as pessoas interromperem a sua medicação antes de a bactéria morrer. Qualquer bactéria restante pode continuar a crescer e tornar-se resistente aos antibióticos. Isto torna a TB mais perigosa e difícil de trata-la.

 

Tuberculose e COVID- 19

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), tanto a TB como a COVID-19 são doenças infecciosas que atacam primariamente os pulmões. Ambas as doenças apresentam sintomas semelhantes tais como tosse, febre e dificuldades respiratórias. Porém, a tuberculose tem um período de incubação mais longo e um ataque lento da doença.

 

Uma vez que a informação sobre a infecção da COVID-19 em pacientes com TB é limitada, antencipa-se que pessoas com TB e COVID-19 podem ter fracos resultados no tratamento, principalmente se a medicação da TB for interrompida. Os pacientes com TB devem tomar cuidado conforme os apelos das autoridades de saúde, para se protegerem da COVID-19 e continuarem com o seu tratamento conforme o receitado.