Eu grito, você grita, TODOS (devíamos) estar a gritar pelo protector solar!

01/12/2021

Com as férias à espreita, muitos de nós sairemos de casa para celebrar o fim-de-ano e divertir-se com amigos e familiares. Mas o lado negativo desse prospecto solar é que muitos de nós certamente não tomaremos tanto cuidado quanto devíamos para diminuir o dano solar.

Não acha que é um assunto importante?

Você acha que não precisa de protector solar porque tem pele escura? Confiando nos seus ricos níveis de melanina para te protegerem dos raios prejudiciais? Lamentamos rebentar o seu balão de diversão no verão radiante – mas você PRECISA de protector solar.

Embora a melanina ofereça alguma protecção contra pelo menos as queimaduras solares mais doloridas, isso não significa que a pele escura é impenetrável aos raios prejudiciais do nosso sol Africano demasiado quente. O cancro da pele ou “melanoma” é uma das formas de cancro mais predominante na África Subsaariana. Sim, mas mesmo a pele de tonalidade escura pode e CONTRAI cancro da pele. Na verdade, o risco de uma pessoa de pele escura contrair cancro é maior simplesmente porque muito provavelmente a pessoa será diagnosticada num estágio avançado.

O que é radiação solar? (E o que significa isso para o meu DNA?)

Um dos maiores factores de risco conducente ao cancro da pele é a exposição à radiação solar. Sim, a exposição ao sol por si só pode ser suficiente; nem precisa queimar excessivamente para a radiação solar começar a ter impacto negativo sobre a sua saúde.

O problema com a radiação solar é que é mais do que apenas uma queimada solar. É importante entender que o nosso sol, o centro da nossa galáxia, a fonte de vida na terra, é basicamente uma explosão nuclear em constante ocorrência. O poder do sol – o que vemos e sentimos como a linda (e abundante) luz solar, é o resultado da fusão nuclear activa onde o Hidrogénio é fundido para criar Hélio – uma reacção nuclear massiva, violenta que nunca acaba; o que é importante para a vida na terra… mas ignorar os perigos da radiação solar é, literalmente, “brincar com fogo” no mais verdadeiro sentido…

Porquê o cancro da pele é tão perigoso?

O que acontece quando você fica exposto à radiação solar excessiva é que a radiação penetra a sua pele e atinge o seu DNA. Ela altera o seu DNA, levando à mutações a nível celular. Essas mutações celulares (células que começam a se multiplicar de forma incorrecta), podem tornar-se células cancerosas malignas. Ao contrário de outros tipos de cancro que podem levar a perda inexplicável de peso, problemas de saúde, dor e outros sintomas pronunciados, a Melanoma (um dos tipos de cancro de pele mais predominante) costuma apenas aparecer como uma marca na pele, ou pequenas lesões que podem fazer comichão ou arder um pouco, mas não parece grande perigo de saúde à primeira vista.

Isso tudo parece mau… existe uma boa notícia?

Felizmente a humanidade já chegou ao seu próprio resgate e criou protectores solares formulados cientificamente de forma extremamente inteligente. Muitos protectores solares contêm tanto o Zinco como o Óxido Titânio, que absorve e refracta a radiação solar, evitando a penetração dos raios UV na pele que causa danos às células.

A primeira coisa que precisa entender é que, existem dois tipos de raios UV e diferentes níveis de protecção solar. Ler e (entender) a marca do seu protector solar é o primeiro passo para estar mais abalizado sobre o sol.

O que é UVA e UVB?

Os raios UVA e UVB são ambos luzes ultravioletas que vêm do sol. O UVA penetra mais a fundo da pele e pode causar danos mais visíveis, levando ao aparecimento precoce de rugas. O UVB é um tipo de raio UV que afecta a camada exterior da pele. O UVB é também absorvido pela camada de ozono e somente 5% dos raios UV que podem atingir a terra são UVB.

Maior parte de protectores solares bloqueiam ambas as luzes UV, e isso é bom porque embora elas afectem diferentes partes da pele, ambos os tipos podem ter efeitos devastadores na sua saúde.

O que é SPF?

SFP significa Factor de Protecção Solar. Isso significa que se você tiver começado a queimar dentro de 10 minutos num dia de sol normal, e aplicar um protector solar com um SPF de 30, você terá um nível de protecção que permite passar 300 minutos sem começar a queimar. Leve isso em consideração ao escolher o protector solar. Com o SFP 50 terá 500 minutos de protecção, enquanto o SPF 5 não oferece nem uma hora inteira…

Não confie apenas no protector solar!

O protector solar conta como uma barreira química para a radiação solar. Para uma melhor protecção contra os raios prejudiciais do sol, aplique uma abordagem multifacetada e use uma barreira física também. Roupas de mangas compridas bem tecidas, chapéus de aba larga e óculos de sol são ferramentas indispensáveis na sua luta contra o dano solar.

E sobre as crianças?

Uma vez que os protectores solares contêm zinco e óxido titânio, a maior parte deles não é eficaz para as crianças. A melhor opção é manter os bebés e as crianças menores totalmente fora do sol, e investir num protector solar de boa qualidade para as crianças mais velhas.  Ensine as crianças a usar chapéu e roupas protectoras a partir das idades inferiores, e certifique-se de aplicar e reaplicar o seu protector solar de forma correcta e regular quando estiverem fora de casa.

…E os meus animais de estimação?

Os animais de estimação, principalmente aqueles que tem uma pele leve na cara e na barriga também precisam de protector solar para não correrem risco de contrair cancro da pele. Fale com o seu médico veterinário ou agente da loja de animais de estimação sobre os tipos de protectores solar seguros e certifique-se de manter os seus bichos de estimação seguros!